Anabela Correia Raw Vegan Experience

Uma das formas mais fáceis de consumir os vegetais crus é comendo-os em saladas. Elas são um “must” em qualquer altura do ano pois saciam ao mesmo tempo que refrescam o organismo. Os vegetais e frutas contêm uma grande quantidade e variedade de vitaminas, minerais, hidratos de carbono simples, fitonutrientes e enzimas que são essenciais para uma boa nutrição.

As saladas podem ser desde as mais simples, feitas apenas com 1 a 3 ingredientes, temperos e especiarias ou até às saladas mais elaboradas com diversos legumes, raízes, sementes, frutas frescas ou secas e temperadas com deliciosos molhos que não apenas o azeite e o vinagre.

Quando se fala em saladas raw ou crudiveganas, fala-se em deliciosas saladas exuberantes. A primeira vez que ouvi alguém associar esta palavra a uma salada foi a minha grande amiga Maria Jose Silva, também parceira nos eventos detox. E esta palavra exuberante designa mesmo aquilo que uma salada deve ser: muito rica e variada, cheia de cor e sabor, bem decorada para se tornar mais apelativa visualmente.

Transforma a tua salada para uma mais exuberante simplesmente ao incorporar diversos molhos saborosos, mais ou menos cremosos, que ajudam a estruturar a ligação entre todos os ingredientes.

A minha proposta é que procures transformar a tua salada habitual, feita com os teus ingredientes favoritos, adicionando molhos que elevam ainda mais os sabores e as texturas. Podes diversificar entre vários sabores: salgado, ácido, picante, gordura, doce e adstringente.

Dicas para fazeres para uma boa salada:

  • faz uma boa base verde (diferentes alfaces, rúcola, canónigos, agrião, espinafre, acelga, beldroegas, etc.)
  • adiciona outros ingredientes a gosto (tomate, pepino, courgete, cenoura, nabo, beterraba, rabanetes, rábano, brócolos, couves diversas, etc)
  • utiliza sementes e grãos germinados (experimenta a alfalfa)
  • incrementa a textura com sementes e frutos secos: girassol, abóbora, sésamo, linhaça, chia, nozes, amêndoas, avelãs, castanha do maranhão, pinhões, etc.
  • utiliza diversas flores comestíveis
  • usa já como tempero salgado alguns alimentos como: azeitonas, tomate seco, algas para saladas, tomilho bela luz, etc.
  • usa o tempero de ervas aromáticas (salsa, coentros, tomilho, alecrim, cebolinho, manjericão, funcho, orégãos, hortelã, etc)
  • escolhe diferentes texturas nos alimentos seleccionados cortando-os em diferentes formatos: em rodelas, em palitos, em gomos, em espiral, em fatias, ralados, etc.
  • experimenta novos molhos ou patês para saladas com base em diferentes ingredientes (frutas, raízes, vegetais ou sementes)
  • tempera alguns ingredientes em separado fazendo uma mini salada dentro de outra
  • torna a salada bem colorida pois os olhos também comem 😉
  • decora a salada com os próprios ingredientes tornando-a ainda mais apelativa

Anabela Correia Raw Vegan Experience

Sugestão de molhos e patês para saladas exuberantes:

Anabela Correia Raw Vegan Experience

Anabela Correia Raw Vegan Experience

Transforma a Tua Salada
Facebookgoogle_pluspinterestmail
Tagged on:     

One thought on “Transforma a Tua Salada

  • Out 15, 2016 at 06:08
    Permalink

    Gostei de ver
    No paladar isso è saboroso

    Reply

Deixar uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *